Meteorologia

  • 01 OUTUBRO 2023
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Municípios da área de Lisboa candidataram 3.800 fogos até final de maio

Os municípios da Área Metropolitana de Lisboa (AML) apresentaram 101 candidaturas a fundos europeus até final de maio, num total de 3.800 fogos e 200 novos alojamentos urgentes temporários, segundo o último balanço oficial.

Municípios da área de Lisboa candidataram 3.800 fogos até final de maio
Notícias ao Minuto

18:10 - 02/06/23 por Lusa

Economia PRR

Em resposta à Lusa, a AML informou que das 101 candidaturas 84 são edifícios destinados a habitação, oito a alojamento urgente e temporário, oito a alojamento estudantil e um a habitação acessível.

Este número representa um aumento de 16 candidaturas e quase 800 fogos suplementares face ao último balanço, feito em janeiro, altura em que foram contabilizadas 85 candidaturas, representando 3.012 fogos para habitação.

Mais de metade das candidaturas (56) já foi aprovada: 47 para edifícios de habitação, seis para alojamento urgente e temporário e três para alojamento estudantil.

O Grupo de Trabalho Metropolitano da Habitação reuniu-se na quarta-feira para fazer um ponto de situação sobre as candidaturas dos municípios da AML no contexto da componente da habitação do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR, fundos europeus), que perfazem um investimento superior a 300 milhões de euros, dos quais cerca de 280 milhões de euros serão financiados.

Segundo uma nota da AML divulgada na quinta-feira, os 200 novos alojamentos urgentes temporários candidatados até final de maio representam um investimento de mais de 12 milhões de euros (11 milhões dos quais financiados).

Na mesma nota, a AML refere que, no que respeita ao acordo-quadro do plano de ação para a habitação, foram oito os municípios da área metropolitana que formalizaram "35 pedidos de utilização", quinze para a elaboração de projetos de arquitetura ou especialidades, dez para a revisão de projetos de arquitetura ou especialidades, cinco para serviços de prospeção geológico-geotécnica dos terrenos e cinco para a elaboração de projetos simplificados.

O plano de ação "Habitação PRR -- AML 2021-2026" incide em programas de apoio ao acesso à habitação, à habitação acessível, ao alojamento estudantil e na criação de uma bolsa nacional de alojamento urgente e temporário.

A AML -- que integra os concelhos de Alcochete, Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Lisboa, Loures, Mafra, Moita, Montijo, Odivelas, Oeiras, Palmela, Seixal, Sesimbra, Setúbal, Sintra e Vila Franca de Xira -- adianta ainda que está a finalizar um protocolo a estabelecer com o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU), para "disponibilizar informação em tempo real" sobre a execução das candidaturas.

Leia Também: Freguesia do Beato ultrapassa rácio de AL. Ficam suspensos novos registos

Todas as Notícias. Ao Minuto.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório