Meteorologia

  • 02 FEVEREIRO 2023
Tempo
12º
MIN 5º MÁX 13º

Wall Street segue em baixa pressionada por resultados trimestrais

A bolsa de Nova Iorque negociava hoje em baixa no início da sessão, penalizada por resultados e previsões de empresas como a Microsoft e a Boeing.

Wall Street segue em baixa pressionada por resultados trimestrais
Notícias ao Minuto

15:43 - 25/01/23 por Lusa

Economia Mercado

Às 15h05 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones descia 0,89% para 33.434,45 pontos e o Nasdaq perdia 2,14% para 11.091,96 pontos.

O índice alargado S&P 500 baixava 1,17% para 3.970,02 pontos.

A Microsoft liderava as descidas no índice Dow Jones (-4,16%) após ter divulgado na terça-feira à noite os resultados do quarto trimestre, que revelaram uma redução de 12% dos lucros, para 16.430 milhões de dólares (15.061 milhões de euros), refletindo a incerteza económica que levou a empresa a anunciar o despedimento de 10 mil trabalhadores.

A Boeing, que também integra o grupo das 30 cotadas do Dow Jones, descia 0,99% depois de comunicar que no exercício de 2022 aumentou os prejuízos em 17,44% para 4.935 milhões de dólares (cerca de 4.531 milhões de euros).

No quarto trimestre, o mais seguido pelos analistas de Wall Street, a companhia teve perdas de 634 milhões de dólares (581 milhões de euros), o que representa uma redução de 84,69% em relação ao mesmo período de 2021.

Os investidores aguardam agora a divulgação dos resultados da Tesla, que serão apresentados após o encerramento do mercado.

O barril de petróleo do Texas subia para 80,27 dólares e a rentabilidade das obrigações do Tesouro norte-americano a 10 anos baixava para 3,43%.

Leia Também: Wall Street fecha sem rumo com investidores hesitantes

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório