Meteorologia

  • 20 JUNHO 2021
Tempo
17º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Cofres públicos desembolsaram menos 12,6% com desemprego

Segundo relata esta quinta-feira o Jornal de Negócios através do seu site, o Estado gastou, no primeiro trimestre de 2014, menos 12,6% com os subsídios de desemprego. Esta descida explica o resultado menos negativo alcançado nesta rubrica orçamental.

Cofres públicos desembolsaram menos 12,6% com desemprego

No cômputo geral, o Estado gastou menos 1,6% com o pagamento de prestações sociais, valor que se justifica, sobretudo com o decréscimo verificado ao nível do pagamento de subsídios de desemprego, cujos encargos diminuíram 12,6%, para 640,8 milhões de euros.

Noutro ponto, destaca a mesma publicação que o pagamento das pensões, cujos encargos aumentaram 1,4%, situando nos três primeiros meses do ano nos 3,58 mil milhões de euros, foi o setor que mais contribuiu ‘negativamente’ para o resultado global.

Em termos de receitas, destaca-se a estabilização das contribuições para a Segurança Social, que se fixaram nos 3,31 mil milhões de euros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório