Meteorologia

  • 16 JULHO 2024
Tempo
26º
MIN 17º MÁX 26º

MP brasileiro pede suspensão de perfuração da Petrobras no rio Amazonas

O Ministério Público Federal (MPF) nos estados brasileiros do Pará e Amapá pediram hoje a suspensão das atividades de perfuração da petrolífera estatal Petrobras no rio Amazonas.

MP brasileiro pede suspensão de perfuração da Petrobras no rio Amazonas
Notícias ao Minuto

23:27 - 05/09/22 por Lusa

Economia Petrobras

"A atividade vai impactar quatro comunidades indígenas no Amapá e comunidades quilombolas e ribeirinhas no Pará, mas não houve a consulta prévia, livre e informada, que é direito desses povos", indicou em comunicado o Ministério Público Federal no Pará.

"Há também enorme potencial de danos ambientais sobre a costa da Amazónia Atlântica que poderiam atingir até o mar territorial da Guiana Francesa", acrescenta-se.

Na mesma nota indica-se que os povos indígenas irão sofrer devido à construção de uma base aérea com previsão de aumento de 3000% no tráfego aéreo e que irão sofrer interferência nas atividades pesqueiras

Tanto Petrobras quanto Ibama [Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais] devem suspender o avanço do projeto de exploração enquanto não for respeitado o direito de consulta prévia, livre e informada e com boa-fé aos povos indígenas e comunidades tradicionais interessados", lê-se

A empresa e a autarquia têm um prazo de dez dias para responder aos pedidos do Ministério Público.

Leia Também: Petrobras vai começar a perfurar o rio Amazonas em novembro

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório