Meteorologia

  • 30 SETEMBRO 2022
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 23º

Porto, Lisboa e Algarve. Pepco quer abrir primeiras lojas cá em 2023

A retalhista polaca Pepco anunciou hoje que pretende abrir as primeiras lojas em Portugal durante a primavera de 2023, nas regiões do Porto, Lisboa e Algarve, e que o recrutamento de trabalhadores arranca em janeiro.

Porto, Lisboa e Algarve. Pepco quer abrir primeiras lojas cá em 2023
Notícias ao Minuto

13:24 - 09/08/22 por Lusa

Economia Pepco

Em comunicado, a marca do Grupo Pepco, que é também dono da retalhista Poundland, anunciou o plano para iniciar operação em Portugal, com as primeiras lojas a abrir na primavera de 2023, no âmbito do plano de expansão que está a levar a cabo.

Numa primeira fase, a marca de retalho irá procurar potenciais espaços comerciais nas regiões do Porto, Lisboa e Algarve.

A empresa disse ainda ter iniciado o recrutamento para a equipa que ficará responsável pela expansão da marca em Portugal, que terá como missão procurar as melhores localizações e, posteriormente, o recrutamento para as lojas, que terá início em janeiro de 2023.

"Em Portugal, a empresa procura neste momento trabalhar em colaboração com proprietários e agentes imobiliários, para garantir o arrendamento a longo prazo de lojas com mais de 450 metros quadrados, podendo chegar a mais de 700 metros quadrados em 'retail parks' e centros comerciais, em cidades e municípios com mais de 15.000 habitantes", esclareceu, na mesma nota.

Portugal será o 18.º mercado da marca que conta com sensivelmente 3.000 lojas.

Leia Também: APED defende "equilíbrio e bom senso" na elaboração do plano de poupança

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório