Meteorologia

  • 20 AGOSTO 2022
Tempo
26º
MIN 20º MÁX 36º

Bolsa de Tóquio fecha a ganhar 1,23%

A bolsa de Tóquio fechou hoje em alta, com o principal índice, o Nikkei, a subir 1,23%, para 26.491,97 pontos.

Bolsa de Tóquio fecha a ganhar 1,23%
Notícias ao Minuto

08:00 - 24/06/22 por Lusa

Economia Bolsas

No fim da sessão, o segundo indicador, o Topix, ganhou 0,81% para 1.866,72 pontos.

O índice Nikkei reflete a média não ponderada dos 225 principais valores da bolsa de Tóquio, enquanto o indicador Topix agrupa os valores das 1.600 maiores empresas cotadas.

Segundo dados oficiais divulgados hoje, a inflação no Japão permaneceu em 2,1% em maio, impulsionada pelos custos de energia e uma moeda mais fraca.

Marcel Thieliant, analista da Capital Economics, disse numa nota não acreditar que o banco central do Japão siga o exemplo dos EUA e de outros países, aumentando as taxas de juros.

O Banco do Japão "não está convencido de que isso seja sustentável porque o crescimento salarial continua fraco e os custos mais altos de energia estão a pesar nos lucros corporativos e no sentimento do consumidor", explicou.

As ações subiram em todos os mercados da Ásia, após três semanas em que a tendência foi de queda.

O índice Kospi em Seul subiu 2,4%, enquanto o Hang Seng de Hong Kong avançou 2% e o índice Shanghai Composite subiu 1%. Na Austrália, o S&P/ASX 200 ganhou 0,8%, com as ações também a subir na Índia e em Taiwan.

Isto apesar de inquéritos em "várias economias desenvolvidas terem ficado abaixo do esperado no setor manufatureiro e de serviços, o que aponta para uma ampla moderação nas atividades económicas", disse Jun Rong Yeap, analista da empresa IG, numa nota.

Leia Também: PSI inalterado e principais bolsas europeias em queda

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório