Meteorologia

  • 07 JULHO 2022
Tempo
22º
MIN 21º MÁX 39º

Rússia volta a cortar juros para 'travar' valorização do rublo

Banco Central da Rússia cortou taxas de juro para 11%.

Rússia volta a cortar juros para 'travar' valorização do rublo
Notícias ao Minuto

10:42 - 26/05/22 por Notícias ao Minuto

Economia Rússia

O banco central da Rússia decidiu voltar a cortar as taxas de juro, esta quinta-feira, aquele que é o terceiro 'corte' em pouco mais de um mês, numa tentativa de travar a progressão do rublo, avança a Bloomberg

De acordo com a agência, o banco central daquele país baixou a taxa de juro de referência para 11%, face a 14%, numa reunião extraordinária que foi anunciada no dia anterior. 

Há dois dias, recorde-se, o rublo subiu para o valor mais alto face ao dólar desde março de 2018, depois de a Bolsa de Valores de Moscovo ter fixado as cotações oficiais em 57,59 rublos por dólar e 59,97 rublos por euro.

Segundo a Bolsa de Valores de Moscovo, o curso do dólar desceu para 56,61 rublos pela primeira vez desde março de 2018, enquanto o euro caiu para 58,59 rublos.

Esta subida do rublo ocorre três meses depois do início da invasão da Ucrânia pela Rússia, após a qual o Ocidente impôs sanções contra as reservas do banco central russo e excluiu vários bancos russos do sistema de pagamento internacional SWIFT, levando a um mergulho de quase 30% no rublo, uma queda que não se via desde 1993.

Na quarta-feira, recorde-se, a Rússia disse que vai pagar a dívida em rublos, depois de os EUA terem decidido pôr fim a uma licença que permitia a Moscovo pagar as dívidas em dólares.

Leia Também: União Africana defende levantamento de sanções a cereais e fertilizantes

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório