Meteorologia

  • 19 MAIO 2022
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 29º

Banco Mundial revê em baixa crescimento da economia mundial para 4,1%

O Banco Mundial (BM) reviu hoje em baixa o crescimento da economia mundial, para 4,1% este ano, desacelerando da forte retoma de 5,5% em 2021, e melhorou as previsões para 3,2% em 2023.

Banco Mundial revê em baixa crescimento da economia mundial para 4,1%
Notícias ao Minuto

14:35 - 11/01/22 por Lusa

Economia Banco Mundial

De acordo com o relatório "Perspetivas Económicas Globais", divulgado hoje, o desacelerar ao longo do horizonte de projeção reflete o dissipar da procura reprimida e a retirada dos apoios orçamentais e monetários a nível global.

A instituição com sede em Washington cortou assim ligeiramente as perspetivas de crescimento face aos 5,6% para 2021 previstos no relatório de junho, bem como aos 4,3% projetados para 2022. Por outro lado, melhorou em 0,1 pontos percentuais a projeção para 2023 face aos 3,1% previstos anteriormente.

Depois da forte recuperação em 2021, o BM explica que o crescimento da economia global está a entrar numa "desaceleração acentuada" face a novas ameaças das variantes da covid-19 e a um aumento da inflação, dívida e desigualdade de rendimentos.

No relatório, alerta que estes riscos podem colocar em causa a recuperação das economias emergentes e em desenvolvimento.

"A economia mundial está a enfrentar simultaneamente a covid-19, a inflação e a incerteza política, com gastos governamentais e políticas monetárias em território desconhecido. O aumento da desigualdade e os desafios de segurança são particularmente prejudiciais para os países em desenvolvimento", disse o presidente do Grupo Banco Mundial, David Malpass, em comunicado.

Segundo o responsável, "colocar mais países num caminho de crescimento favorável requer uma ação internacional concertada e um conjunto abrangente de respostas políticas nacionais", acrescentou.

O BM adverte que a rápida disseminação da variante Ómicron indica que a pandemia provavelmente irá continuar a ter um impacto negativo na atividade económica no curto prazo. Além disso, uma desaceleração notória nas principais economias -- incluindo os Estados Unidos e a China -- irá ter impacto na procura externa nas economias emergentes e em desenvolvimento.

Leia Também: Rodrigo Leão, Matt Elliott, Márcia e Chrystabell no Teatro da Guarda

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório