Meteorologia

  • 19 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 5º MÁX 15º

Edição

AllianzGI avisa que investidores devem preparar-se para a volatilidade

A Allianz Global Investors (GI) considerou, numa nota hoje divulgada, que os investidores devem "ser proativos e preparar-se para a volatilidade em 2022", apontando ainda a uma "inflação persistente".

AllianzGI avisa que investidores devem preparar-se para a volatilidade
Notícias ao Minuto

13:48 - 03/12/21 por Lusa

Economia Investimento

"Os investidores devem ser proativos e preparar-se para a volatilidade em 2022. Os próximos meses vão ser dominados pela desaceleração do crescimento económico, pelo desvio das políticas dos bancos centrais e pela inflação persistente", pode ler-se numa nota hoje divulgada pela unidade da seguradora alemã Allianz.

Por outro lado, a AllianzGI considera "fundamental" os investidores "alinharem-se com as tendências a longo prazo -- das taxas mais baixas por mais tempo à transição energética -- que estão a causar disrupções e podem oferecer oportunidades".

"O crescimento económico parece ter tendência a desacelerar após a recuperação do 'efeito de base' a que assistimos em 2021", antecipando a AllianzGI que "a incerteza relacionada com a covid e os estrangulamentos na oferta provarão provavelmente ser um entrave ao crescimento, bem como uma fonte contínua de volatilidade dos preços".

A unidade de gestão de investimentos da Allianz antecipa ainda que "deve haver uma divergência nos números do crescimento e no apoio do banco central em várias partes do mundo, e os mercados irão provavelmente reagir rapidamente a quaisquer dados macroeconómicos positivos ou negativos".

"Enquanto isso, parece provável que a inflação se mantenha mais elevada do que muitos observadores do mercado esperam", considera ainda a AllianzGI.

Os economistas da unidade de investimentos da Allianz pensam ainda que "os bancos centrais e muitos investidores subestimam a probabilidade de a inflação dos preços no consumidor poder tornar-se superior ao esperado -- e durar mais tempo do que o preço atual nos mercados financeiros".

"Embora a inflação possa aumentar, não esperamos ver o fim de uma era com décadas de taxas globalmente baixas, o que significa que os investidores devem encontrar novas formas de proteger o poder de compra e de procurar rentabilidades", refere, por outro lado, a AllianzGI.

Assim, os investidores, segundo a AllianzGI, podem "diversificar entre classes de ativos, estilos e regiões, especialmente em busca de rentabilidade", ou "considerar classes de ativos não tradicionais como alternativas líquidas e mercados privados".

A unidade da seguradora alemã lembra também que "a sustentabilidade será uma força motriz em 2022 e no futuro", já que "as empresas e os países vão estabelecer vias claras para emissões 'net zero' [neutralidade carbónica] e os investidores procurarão ter um maior impacto com o seu capital".

Leia Também: Wall Street fecha em alta clara em sessão de 'caça' aos saldos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório