Meteorologia

  • 20 MAIO 2022
Tempo
18º
MIN 18º MÁX 34º

União Europeia quer ajudar a Guiné-Bissau a valorizar a manga

A Guiné-Bissau produz anualmente cerca de 35 mil toneladas de manga, das quais cerca de 75% é desaproveitada, situação que o governo pretende mudar com o apoio da União Europeia (UE), referiu hoje o diretor-geral da Indústria, Suleimane Djaló.

União Europeia quer ajudar a Guiné-Bissau a valorizar a manga

"A manga poderá ser um dos produtos de comercialização da Guiné-Bissau com a União Europeia, pode ser um novo bilhete de identidade da Guiné-Bissau no mercado internacional", afirmou Djaló.

O diretor-geral da Indústria guineense falava no ato de receção de um conjunto de equipamentos de laboratório de análise à qualidade de produtos produzidos na Guiné-Bissau, nomeadamente a manga.

Os equipamentos de análise laboratorial foram entregues às direções-gerais da Indústria, Agricultura e Saúde Pública e na mesma ocasião foram disponibilizadas duas unidades de produção semi-industrial de etanol a duas organizações da sociedade civil que lidam diretamente com a produção de alimentos, em particular a manga.

As organizações Coajoq, cooperativa agrícola, e Kafo, federação camponesa, vão passar a aproveitar produtos como caju, laranja e manga que não são consumidas para produzir etanol e álcool sanitário.

Com as máquinas disponibilizadas pela UE, as duas organizações terão a capacidade de produzir cerca de mil litros de etanol por mês, explicou a fonte do projeto que aponta para "o fim do desperdício da manga" na Guiné-Bissau.

Todo este apoio é no âmbito do projeto para a melhoria da competitividade da cadeia de valor da manga na Guiné-Bissau, ao abrigo do Programa de Competitividade para a África Ocidental (Componente Guiné-Bissau) -- Wacomp-GB, financiado pela União Europeia.

O diretor-geral da Indústria, Suleimane Djaló, disse estar confiante em como a maga poderá ser "uma alavanca de desenvolvimento" do setor agrícola do país e pediu a sinergia dos ministérios do Comércio, da Agricultura e da Indústria na sua promoção para que possa chegar ao mercado internacional, nomeadamente da União Europeia.

Simona Shlede, responsável da cooperação da UE na Guiné-Bissau, enalteceu a importância do projeto para o qual foram disponibilizados os equipamentos de laboratório e exortou para a necessidade de se observar a qualidade, conformidade e segurança sanitária durante toda a cadeia de produção da manga que se pretende exportar.

Leia Também: Guiné-Bissau já vacinou 15,5% da população-alvo

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório