Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2021
Tempo
10º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

Depósitos ascendiam a 169,2 mil milhões até ao final de setembro

Os dados foram atualizados, esta quarta-feira, pelo Banco de Portugal.

Depósitos ascendiam a 169,2 mil milhões até ao final de setembro

Em setembro de 2021, o montante de depósitos que os particulares detinham em bancos residentes cresceu 6,9% em relação a setembro de 2020, para 169,2 mil milhões de euros (tinha crescido 7,1% no mês anterior), de acordo com os dados divulgados, esta quarta-feira, pelo Banco de Portugal (BdP). 

Em agosto, recorde-se, os depósitos ascendiam a 169,3 mil milhões.

"O crescimento dos depósitos das famílias junto da banca tem apresentado uma tendência e valores próximos dos da área do euro", sublinha o BdP.

Em setembro de 2021, o montante de depósitos que as empresas detêm nos bancos residentes em Portugal cresceu 14,6% em relação a setembro de 2020, para 58,8 mil milhões de euros (este montante tinha crescido 16,4% no mês anterior).

Em setembro de 2021, o montante total de empréstimos concedidos aos particulares para habitação cresceu 4,3% em relação a setembro de 2020 para 96,0 mil milhões de euros (estes empréstimos tinham crescido 4% no mês anterior).

Leia Também: Avaliação bancária atinge novo recorde de 1.236 euros por metro quadrado

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório