Meteorologia

  • 25 JULHO 2021
Tempo
25º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

Angola abre concurso para gestão de supermercados que eram de generais

Angola vai abrir um concurso público para gestão da rede de hipermercados e supermercados Kero, cujo capital social é detido em 90% pelo Estado, refere um despacho presidencial hoje tornado público.

Angola abre concurso para gestão de supermercados que eram de generais
Notícias ao Minuto

15:23 - 14/06/21 por Lusa

Economia Angola

A cadeia de retalho era detida pelos generais Hélder Vieora Dias 'Kopelipa' e Leopoldino Fragoso do Nascimento 'Dino', elementos da Presidência da República, ao tempo do ex-Presidente de Angola José Eduardo dos Santos e do ex-vice-Presidente Manuel Vicente.

O Despacho Presidencial 89/21, de 11 de junho, publicado em Diário da República, refere que o concurso é aberto considerando que o Estado angolano passou a deter 90% do capital social do Grupo Zahara Comércio S.A, que deste modo passou a integrar o setor empresarial público, como empresa de domínio público.

Nesse sentido, o Presidente angolano aprovou a cessão do direito de gestão da rede de hiper e supermercados Kero, delegando aos ministros das Finanças e Indústria e Comércio a condução e verificação da legalidade de todos os atos inerentes ao procedimento do concurso público.

Em outubro de 2020, a Procuradoria-Geral da República de Angola anunciou que depois de constituídos arguidos, os generais procederam à entrega ao Estado de vários ativos, entre os quais a cadeia de retalho Kero.

Leia Também: Alienação de participações em blocos ajuda Sonangol a reduzir dívidas

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório