Meteorologia

  • 18 JUNHO 2021
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Lojas e restaurantes? Estes são os novos horários já em vigor

Na maior parte dos concelhos do país, lojas e restaurantes já podem funcionar até mais tarde. A medida também beneficia os espetáculos culturais.

Lojas e restaurantes? Estes são os novos horários já em vigor

O plano de desconfinamento foi antecipado, entrou em vigor mais cedo do que o previsto e, por isso, há novas regras relacionadas com os horários dos estabelecimentos. Na maioria dos concelhos, os estabelecimentos podem, a partir de agora, funcionar até mais tarde, mas Braga, Lisboa, Odemira e Vale de Cambra ficam de fora. 

Estes quatro concelhos não avançam no desconfinamento, pelo menos até 28 de junho, o que significa que se mantêm os horários em vigor até agora: 

  • Restaurantes, cafés e pastelarias podem funcionar até às 22h30 (no interior, com um máximo de 6 pessoas por grupo; em esplanada, 10 pessoas por grupo);
  • Comércio a retalho alimentar e não alimentar pode funcionar até às 21h00;
  • Espetáculos culturais até às 22h30.

Pode consultar as restantes regras que se aplicam nestes quatro concelhos aqui.

Na maior parte dos concelhos, lojas e restaurantes podem funcionar até mais tarde

Fora os concelhos que ficam a 'marcar passo', os restantes avançam no desconfinamento e os horários dos estabelecimentos são alargados. Esta medida aplica-se não só aos restaurantes, mas também ao comércio. Apesar de tudo, mantêm-se limitações relativamente ao número de pessoas sentadas à mesa, por exemplo. 

Estas são as regras, em termos de horários: 

  • Restaurantes, cafés e pastelarias (máximo de 6 pessoas no interior ou 10 pessoas em esplanadas) até à meia-noite para admissão e 1h00 para encerramento;
  • Comércio com horário do respetivo licenciamento;
  • Espetáculos culturais até à meia-noite: Salas de espetáculos com lotação a 50%; fora das salas de espetáculo, com lugares marcados e com regras a definir pela DGS.

Pode consultar as restantes regras que se aplicam nestes quatro concelhos aqui.

Assinada pela ministra de Estado e da Presidência, Mariana Guimarães Vieira da Silva, a resolução do Conselho de Ministros n.º 74-A/2021 foi publicada em 9 de junho com a indicação que "produz efeitos no dia seguinte ao da sua publicação". O Governo decidiu assim antecipar a entrada em vigor da nova fase de desconfinamento da pandemia de Covid-19 em quatro dias.

Leia Também: AO MINUTO: Novas medidas já em vigor; Boris doa 100 milhões de vacinas

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório