Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2021
Tempo
22º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Portugal inaugura hoje cabo submarino que liga Sines ao Brasil

A presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE) inaugura hoje, em Sines, o cabo ótico submarino 'EllaLink', que liga a Europa à América do Sul e que será "essencial" para a interconexão digital dos continentes.

Portugal inaugura hoje cabo submarino que liga Sines ao Brasil
Notícias ao Minuto

06:07 - 01/06/21 por Lusa

Economia UE/Presidência

O 'EllaLink', que constitui a primeira ligação direta de alta velocidade por cabo submarino entre a Europa e a América do Sul, é considerado pela presidência portuguesa "uma infraestrutura essencial para a interconexão digital e a transmissão de dados entre os dois continentes".

A cerimónia inaugural, prevista para as 10:50, decorrerá em formato híbrido (presencial e 'online') a partir de Sines, onde ficará ancorado o cabo, com ligação a Fortaleza (Brasil), e será presidida pelo primeiro-ministro, António Costa.

O evento contará ainda com intervenções, por videoconferência, do secretário-geral da ONU, António Guterres, da presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e do presidente do Parlamento Europeu, David Sassoli.

A inauguração do 'EllaLink' integra o evento "Leading the Digital Decade" [Liderar a Década Digital], coorganizado pela presidência portuguesa e pela Comissão Europeia, com a presença de representantes de "vários Estados-membros da UE, representantes do Parlamento Europeu e da Comissão Europeia, além de representantes do setor privado e da sociedade civil".

O encontro, que se prolonga por dois dias, tem como objetivo "promover um debate alargado em torno da transformação digital da UE", tendo como base os objetivos da Década Digital, iniciativa apresentada pela Comissão em março para garantir que todos os cidadãos europeus podem beneficiar do digital.

Está, aliás, prevista para hoje a apresentação da 'Declaração de Lisboa - Democracia Digital com Propósito', um contributo para uma "declaração interinstitucional conjunta" sobre os direitos e princípios digitais que a Comissão está a preparar.

A Declaração de Lisboa, indica a presidência portuguesa, inclui "compromissos no sentido de garantir o acesso a uma conectividade de elevada qualidade em toda a Europa, promover a aquisição de competências digitais por parte de todos os cidadãos e construir um mundo em linha justo e sem discriminação".

O ministro da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, intervirá na sessão de abertura do primeiro dia do "Leading Digital Day", prevista para as 10:00, seguindo-se uma intervenção do comissário europeu para o Mercado Interno, Thierry Breton.

Na sessão de encerramento do primeiro dia, às 17:15, intervêm a vice-presidente da Comissão Europeia responsável pela pasta "Uma Europa Preparada para a Era Digital", Margrethe Vestager, e o ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor.

O segundo dia será dedicado ao Programa Europa Digital, que conta com um orçamento de 7,5 mil milhões de euros para financiar projetos europeus em supercomputação, inteligência artificial, cibersegurança e competências digitais avançadas.

Leia Também: Covid-19. Festival Músicas do Mundo de Sines adiado para 2022

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório