Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2021
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Fitch deve pronunciar-se hoje sobre o 'rating' de Portugal

A Fitch deve pronunciar-se hoje acerca do 'rating' da dívida portuguesa, tendo já sinalizado no final de abril que prevê uma manutenção da perspetiva estável da classificação.

Fitch deve pronunciar-se hoje sobre o 'rating' de Portugal
Notícias ao Minuto

06:51 - 14/05/21 por Lusa

Economia Cotação

De acordo com o calendário de divulgação dos 'ratings' de soberanos da agência de notação financeira norte-americana, está agendada para hoje uma pronúncia acerca de Portugal.

No dia 29 de abril, a Fitch previu para Portugal uma perspetiva 'estável' do 'rating' 'BBB' no segundo trimestre deste ano, porque acredita que o rácio da dívida/PIB retome uma trajetória descendente baseada numa política orçamental prudente.

No "Panorama do Crédito Soberano da Europa Ocidental, segundo trimestre de 2021", a agência de 'rating' Fitch estima "uma melhoria do potencial de crescimento a médio prazo de Portugal, particularmente se apoiado por reformas estruturais".

Como riscos negativos para Portugal, a Fitch sublinha "uma deterioração das perspetivas a médio prazo projetadas para as finanças públicas" e um "renovado 'stress' no setor financeiro que requer um apoio adicional significativo do setor público e/ou afete a estabilidade financeira e as perspetivas de crescimento".

A empresa refere que "existe incerteza quanto ao futuro apoio ao Novo Banco e à companhia aérea portuguesa TAP" e que "o apoio relacionado com a pandemia, sob a forma de linhas de garantia estatal, aumentou o passivo contingente do Estado".

Em relação ao turismo em Portugal, a Fitch sublinhou então que a recuperação no setor continua a ser uma incerteza fundamental para as previsões de crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB) e que para 2021 assume que as receitas do turismo recuperarão 50% dos níveis de 2019.

A última revisão do 'rating' da Fitch para Portugal foi em divulgada em 20 de novembro de 2020.

Na altura, a agência de notação financeira manteve o 'rating' da dívida de longo prazo de Portugal em BBB, nível de investimento, e com perspetiva estável, alertando para os níveis de dívida pública.

No dia 12 de março, a Standard and Poor's (S&P) não se pronunciou acerca da classificação da dívida portuguesa nos mercados financeiros, mantendo-a em nível de investimento (BBB) com perspetiva estável.

Duas semanas antes, a DBRS Morningstar também manteve a classificação da dívida pública portuguesa em BBB (alto) com perspetiva estável, em nível de investimento.

A DBRS Morningstar foi a primeira agência a pronunciar-se sobre o 'rating' de Portugal este ano, mantendo a tendência do ano passado, em que a Fitch, Standard and Poor's e Moody's mantiveram a classificação da dívida nacional em nível de investimento.

Em julho de 2020, a Moody's não se pronunciou sobre o 'rating' e perspetiva de Portugal, mantendo a classificação de Baa3, acima do 'lixo', para a dívida de longo prazo e a perspetiva positiva, feita em 2019.

O 'rating' é uma classificação atribuída pelas agências de notação financeira que avalia o risco de crédito (capacidade de pagar a dívida) de um emissor, que pode ser um país ou uma empresa.

Leia Também: Fitch sobe rating da EDP para BBB com perspetiva estável

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório