Meteorologia

  • 13 JUNHO 2021
Tempo
18º
MIN 18º MÁX 29º

Edição

Arábia Saudita suspende compras de 11 empresas de carne de aves do Brasil

O Governo brasileiro declarou, na quinta-feira, ter sido surpreendido com a decisão da Arábia Saudita de suspender "11 estabelecimentos exportadores de carne de aves".

Arábia Saudita suspende compras de 11 empresas de carne de aves do Brasil
Notícias ao Minuto

06:43 - 07/05/21 por Lusa

Economia Comércio

"Não houve contacto prévio das autoridades sauditas, tampouco apresentação de motivações ou justificações que amparem as suspensões. A informação consta apenas numa nova lista de plantas [fábricas] brasileiras autorizadas a exportar, publicada pela 'Saudi Food and Drug Authority' (SFDA), que exclui os referidos estabelecimentos, previamente permitidos", indicaram os Ministérios das Relações Exteriores e da Agricultura do Brasil.

Num comunicado conjunto, as tutelas disseram que, até ao momento, apenas o Brasil foi objeto de atualização da lista de exportadores de carne de aves e que, caso a situação não seja devidamente resolvida, o caso poderá ser levado à Organização Mundial do Comércio (OMC).

"O Brasil reitera os elevados padrões de qualidade e sanidade seguidos por toda a nossa cadeia de produtos de origem animal, assegurados por rigorosas inspeções do serviço veterinário oficial. Há confiança de que todos os requisitos sanitários estabelecidos por mercados de destino são integralmente cumpridos", acrescentou.

Os Ministérios adiantaram que o executivo brasileiro iniciou contactos com as autoridades da Arábia Saudita e com a embaixada do país em Brasília para esclarecer o episódio.

"Todas as vias bilaterais e multilaterais serão empregues com vistas à pronta resolução da questão. Caso se comprove a interposição de barreira indevida ao comércio, o Brasil poderá levar o caso à Organização Mundial do Comércio", concluiu.

De acordo com dados do Ministério da Economia brasileiro, as carnes de aves, com destaque para frango fresco, refrigerado ou congelado, lideram a lista de exportações para a Arábia Saudita, com uma participação de 38% do total.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório