Meteorologia

  • 12 ABRIL 2021
Tempo
18º
MIN 9º MÁX 20º

Edição

Banca perdeu mais de 1.000 trabalhadores no último ano. E balcões?

Os dados foram divulgados, esta quinta-feira, pela Associação Portuguesa de Bancos.

Banca perdeu mais de 1.000 trabalhadores no último ano. E balcões?

Os bancos perderam mais de mil trabalhadores ao longo do ano e o número de balcões reduziu-se em cerca de 200, de acordo com os dados divulgados, esta quinta-feira, pela Associação Portuguesa de Bancos (APB). 

Em 2020 a banca tinha 40.475 colaboradores, valor que compara com os 41.673 funcionários no final do ano anterior.

Relativamente ao número de balcões, no final do ano passado havia 3.826, número que compara com os 4.028 balcões em 2019. 

Em comunicado, a APB diz que "em 2020, a rentabilidade do setor bancário foi bastante afetada pelos impactos da pandemia Covid-19, com o resultado líquido a cair 77%, em termos homólogos, para os 435 milhões de euros. Este resultado é maioritariamente explicado pelo reforço expressivo das imparidades, que totalizaram 2,9 mil milhões de euros (mais 74% que o valor registado em 2019)". 

Explica ainda que no ano passado, "os bancos deram continuidade ao seu processo de reestruturação, uma tendência que se tem verificado nos últimos anos e que resulta da necessidade de melhoria da eficiência operacional e da adaptação dos modelos de negócio às novas necessidades dos clientes".

Leia Também: Poupar em tempos de crise. Dos impostos à banca, conheça 'estas' dicas

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório