Meteorologia

  • 01 MARçO 2024
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 15º

Estes são os prazos para pedir os apoios extraordinários em abril

Se tem direito a alguma das medidas ou pretende candidatar-se, saiba aqui quando é que o pode fazer no próximo mês.

Estes são os prazos para pedir os apoios extraordinários em abril
Notícias ao Minuto

08:36 - 29/03/21 por Notícias ao Minuto

Economia apoios

O Instituto da Segurança Social (ISS) já divulgou o calendário dos prazos para pedir os apoios extraordinários no âmbito da Covid-19 em abril. Se tem direito a alguma das medidas ou pretende candidatar-se, saiba aqui quando é que o pode fazer. 

Antes de mais, importa sublinhar que todas as informações sobre os apoios da Segurança Social podem ser consultadas neste link - desde os apoios para as entidades empregadoras, passando pelos trabalhadores independentes até aos funcionários e apoio social à população.

O calendário de abril 

De 1 a 12 de abril pode pedir os seguintes apoios

  • Apoio Extraordinário à Redução da Atividade Económica
  • Apoio Excecional à Família
  • Medida Extraordinária de Incentivo à Atividade Profissional
  • Apoio à Desproteção Social

"Encontram-se disponíveis na Segurança Social Direta, de 1 a 12 de abril, os requerimentos que permitem pedir o Apoio Extraordinário à Redução da Atividade Económica, Apoio Excecional à Família, Medida Extraordinária de Incentivo à Atividade Profissional e Apoio à Desproteção Social, com referência ao mês de março", lembra o ISS. 

De 5 a 16 de abril:

  • Apoio Extraordinário ao Rendimento dos Trabalhadores

"A partir do dia 5 e até 16 de abril estará disponível na Segurança Social Direta o requerimento do Apoio Extraordinário ao Rendimento dos Trabalhadores (AERT) referente ao mês de março", pode ler-se na nota da Segurança Social. 

Leia Também: Vacinação: Funcionários judiciais criticam falta de plano e calendário

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório