Meteorologia

  • 04 MARçO 2021
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

Sindicatos italianos confiantes após reunião com Carlos Tavares

Os sindicatos do setor automóvel italiano mostraram-se hoje tranquilizados pelas garantias de emprego dadas, após uma reunião com Carlos Tavares, líder do novo grupo Stellantis, que resultou da fusão da PSA com a Fiat Chrysler (FCA).

Sindicatos italianos confiantes após reunião com Carlos Tavares
Notícias ao Minuto

20:40 - 20/01/21 por Lusa

Economia STELLANTIS

"A Stellantis confirmou os compromissos assumidos com a FCA e, num futuro próximo, haverá sinergias que não vão penalizar nem as fábricas italianas, nem os trabalhadores ", afirmou no final da reunião, que decorreu por videoconferência, Francesca Re David, secretária-geral da Fiom-Cgil.

"O objetivo é reforçar as marcas italianas, a começar pela Alfa Romeo e Maserati", acrescentou.

Na sua primeira conferência de imprensa após a fusão, Carlos Tavares declarou na terça-feira que "cada marca deve ser capaz de se projetar no futuro", antes de lembrar que o seu primeiro carro foi um Alfa Romeo.

Roberto Benaglia, secretário-geral do sindicato Fim-Cisl, considerou "positivo que a Itália esteja no centro do novo grupo Stellantis".

Segundo o sindicalista, "as marcas italianas podem ser reforçadas" e podem surgir novo projetos "em particular para a Alfa Romeo e para a Maserati", aumentando a atividade nas fábricas italianas.

A PSA e a Fiat Chrysler consideraram que as sinergias podem permitir uma poupança de 5.000 milhões de euros por ano, em custos de fabrico e pesquisa.

Leia Também: Novo grupo automóvel Stellantis estreia-se em alta na bolsa de Milão

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório