Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2021
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Wall Street fecha sem direção, investidores divididos

A bolsa nova-iorquina encerrou hoje em direção, com os investidores divididos entre o otimismo que envolve o início da campanha de vacinação nos EUA contra o novo coronavírus e o receio de novas restrições no país.

Wall Street fecha sem direção, investidores divididos

Os resultados definitivos da sessão indicam que o índice seletivo Dow Jones Industrial Average cedeu 0,62%, para os 29.861,55 pontos, e o alargado S&P500 perdeu 0,44%, para as 3.647,49 unidades.

Pelo contrário, o Nasdaq valorizou 0,50%, para os 12.440,04 pontos.

A praça bolsista começou bem o dia, com os investidores satisfeitos com o lançamento de uma vasta campanha de vacinação contra o novo coronavirus nos EUA, o país mais afetado pela pandemia com mais de 300 mil mortes, segundo a contagem feita pela Universidade Johns Hopkins.

A esperança de um compromisso no Congresso dos EUA sobre um novo plano de relançamento económico também animou os investidores.

Um grupo de congressistas democratas e republicanos deve apresentar uma proposta de lei, com ajudas e estímulos para famílias e empresas no montante de 908 mil milhões de dólares (748 mil milhões de euros), com a intenção de a levar a votos na próxima semana.

Mas, na segunda parte da sessão, o Dow Jones e o S&P500 retraíram-se depois das declarações do autarca nova-iorquino, Bill de Blasio, que deu a entender que admitia um encerramento total da metrópole, à semelhança do ocorrido em meados de março, para procurar conter a propagação do vírus.

"Este aviso provocou visivelmente o aumento das inquietações com mais confinamentos" no resto do país, salientaram os analistas da Briefing.com.

Receios sobre medidas similares na Europa também perturbaram os investidores em Wall Street.

Por outro lado, vaias empresas cotadas beneficiaram hoje de uma vaga de anúncios de fusões e aquisições.

A Alexion, empresa norte-americana de biotecnologia, especializada em doenças raras, foi comprada pelo grupo farmacêutico britânico AstraZeneca, por 39 mil milhões de dólares, e fechou com uma subida de 29,20%.

Também a PluralSight, um sítio de programas para formação profissional, foi adquirida, por 3,5 mil milhões de dólares, pela sociedade de investimento Vista Equity Partners, e encerrou com uma valorização de 6,38%.

Já o conglomerado de jogos vídeo Electronic Arts propôs comprar o grupo britânico Codemasters, por 945 milhões de libras (1,037 mil milhões de euros), terminando em Wall Street a subir 1,28%.

Ao contrário, a Blackstone fechou em baixa de 1,14% depois de ter anunciado a intenção de adquirir, por 3,45 mil milhões de dólares, as instalações de laboratórios de investigação em Boston, à Brookfield Asset Management.

O resto da semana em Wall Street vai ser animado pela última reunião do ano sobre política monetária do banco central dos EUA, que vai decorrer na terça e quarta-feira.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório