Meteorologia

  • 26 SETEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 24º

Edição

Madeira avança com 3 milhões a fundo perdido para agricultores e empresas

O Governo da Madeira disponibilizou hoje um novo apoio a fundo perdido, no valor total de três milhões de euros, destinado a agricultores e pequenas e médias empresas de transformação de produtos agropecuários, indicou o chefe do executivo.

Madeira avança com 3 milhões a fundo perdido para agricultores e empresas
Notícias ao Minuto

13:28 - 03/12/20 por Lusa

Economia Coronavírus

"O apoio vai ser dado através do PRODERAM [Programa de Desenvolvimento Rural da Região Autónoma da Madeira] e visa compensar a fundo perdido as perdas destas empresas, dos empresários e dos agricultores, relativamente às quebras que tiveram no segundo trimestre de 2020", afirmou Miguel Albuquerque.

O governante falava durante uma visita à empresa Santoqueijo, na freguesia do Santo da Serra, concelho de Santa Cruz, na zona leste da Madeira, onde está em curso uma obra de ampliação das instalações, orçada em 1,2 milhões de euros.

Miguel Albuquerque explicou que o apoio, "temporário e excecional", visa compensar os agricultores e as empresas que registaram quebras na faturação iguais ou superiores a 20% no segundo trimestre de 2020 devido à crise pandémica.

A ajuda é concedida sob a forma de montante fixo não reembolsável no mínimo de 500 euros e máximo de 7.000 euros para agricultores em nome individual, e entre 2.500 e 50.000 euros para as pequenas e médias empresas.

Uma das empresas que vão concorrer ao novo apoio é a Santoqueijo, cuja unidade industrial funciona há 25 anos e que se encontra agora em processo de ampliação.

"A ampliação da fábrica tem em vista duplicar a nossa capacidade de produção e lançar no mercado regional novos produtos 100% regionais", disse José Luís Sousa, um dos proprietários, indicando que a empresa vai apostar no queijo curado, iogurtes artesanais, cremes de queixo e 'tequeños', pequenos rissóis muito procurados pela comunidade lusovenezuelana.

A empresa adquiriu em média, nos últimos três anos, cerca de 1.175 toneladas de leite de produtores regionais e está previsto o aumento até cerca de 1.527 toneladas (+30%), acompanhando o crescimento de algumas explorações leiteiras.

Quanto aos novos produtos, o objetivo passa por atingir uma produção de 15.650 quilos de queijo fresco magro sem lactose, 15.560 caixas de 12 unidades de 'tequeños', 12.250 quilos de queijo semiduro em unidades de 200 gramas, 6.260 quilos de queijo semiduro em barra, 3.130 quilos de manteiga e nata gourmet, e 5.000 quilos de queijo curado da Madeira em unidades de 250 gramas.

A empresa Santoqueijo emprega atualmente 16 trabalhadores.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório