Meteorologia

  • 23 JANEIRO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

PSI20 mantém-se negativo com Galp a pressionar

A bolsa de Lisboa seguia em terreno negativo, mantendo a tendência da abertura, com as ações da Galp a pressionarem as negociações, entre uma Europa mista.

PSI20 mantém-se negativo com Galp a pressionar
Notícias ao Minuto

10:04 - 03/12/20 por Lusa

Economia Bolsas

Na quarta-feira, o índice PSI20 encerrou em alta, a subir 0,81% para 4.624,57 pontos, num dia em que as principais bolsas europeias fecharam com resultados divergentes.

Hoje, pelas 09:10, o PSI20 recuava 0,19% para 4.615,89 pontos, com oito ações em baixa, cinco em alta e quatro inalteradas.

A Galp e a Sonae eram as ações que mais perdiam, com descidas de 1,92% para 8,87 pontos e 0,51% para 0,68 pontos.

O BCP, por seu turno, recuava 0,42% para 0,12 euros e a Jerónimo Martins descia 0,11% para 13,91 euros, enquanto a EDP descia 0,07% para 4,53 euros.

Do lado dos ganhos, seguiam os CTT e a Altri com as ações a avançarem 2,01% e 1,57% para 2,54 euros e 4,91 euros, respetivamente.

As principais bolsas europeias abriram hoje mistas, à espera de indicadores macroeconómicos da Europa e das decisões da OPEP+.

Operadores citados pela Efe referem que os mercados europeus se mostram cautelosos em relação às vacinas e aguardam as decisões da reunião da OPEP+ para decidir se adiam o aumento da produção de petróleo previsto para janeiro de 2021.

Os investidores também aguardam a divulgação dos indicadores PMI finais de serviços e compostos na Europa e nos EUA do mês de novembro.

Entretanto, na terça-feira, os legisladores norte-americanos anunciaram uma série de propostas de assistência económica para fazer frente ao impacto da crise provocada pela pandemia, tendo assim sido retomadas as negociações, ainda que os mercados se mantenham cautelosos à espera que democratas e republicanos possam alcançar um acordo.

A nível cambial, o euro abriu hoje em alta no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,2138 dólares, um novo máximo desde 27 de abril de 2018, contra 1,2093 dólares na quarta-feira.

O barril de petróleo Brent para entrega em fevereiro abriu com tendência positiva no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, a cotar-se a 48,49 dólares, contra 48,25 dólares na quarta-feira e o máximo desde 16 de março, de 48,61 dólares, em 25 de novembro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório