Meteorologia

  • 23 JANEIRO 2021
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Reino Unido em "emergência económica" com contração de 11,3% do PIB

O Reino Unido atravessa um período de "emergência económica" e vai registar uma contração sem precedentes do Produto Interno Bruto (PIB) de 11,3% em 2020 devido à pandemia, segundo as previsões anunciadas hoje pelo ministro das Finanças britânico.

Reino Unido em "emergência económica" com contração de 11,3% do PIB
Notícias ao Minuto

14:24 - 25/11/20 por Lusa

Economia Covid-19

As previsões oficiais para o próximo ano apontam para um crescimento de 5,5%, indicou ainda o ministro das Finanças britânico, Rishi Sunak, durante um discurso no Parlamento.

No entanto, levará até ao final de 2022 para que a economia regresse aos seus níveis antes da crise da covid-19.

"A nossa emergência sanitária ainda continua e a nossa emergência económica só agora começou. Portanto, a nossa prioridade imediata é proteger vidas e padrões de vida", disse o ministro, apresentando um amplo plano de despesas.

"Os danos económicos são suscetíveis de durar a longo prazo", enfraquecendo a economia durante muitos anos, disse Sunak.

Sunak, confiando nas previsões do gabinete de responsabilidade orçamental (OBR) do Governo, disse que a taxa de desemprego atingirá o seu pico no segundo trimestre de 2021 quando subir para 7,5%.

No total, o Governo está a mobilizar 280 mil milhões de libras esterlinas (cerca de 313,8 mil milhões de euros) para ajudar a economia a resistir à tempestade.

Os serviços públicos receberão um total de 55 mil milhões de libras (cerca de 61,6 mil milhões de euros) no próximo ano, incluindo o sistema de saúde do SNS, escolas e segurança.

O Governo promete que as despesas atuais do país irão crescer 3,8% este ano e no próximo, a taxa mais elevada em 15 anos.

Estas medidas irão aumentar o défice governamental para 394 mil milhões de libras esterlinas (cerca de 441,6 mil milhões de euros) para o atual exercício financeiro ou 19% do PIB, como resultado de esforços sem precedentes para sustentar o emprego face ao choque da pandemia.

No entanto, Sunak, membro do partido conservador que afirma ser o arauto da ortodoxia orçamental, advertiu que, numa tentativa de limitar o esgotamento das finanças públicas, os salários da função pública serão congelados, exceto para o SNS e rendimentos muito baixos.

Além disso, o Reino Unido reduzirá drasticamente a sua ajuda ao desenvolvimento no próximo ano para 0,5% do PIB, contra a habitual taxa de 0,7%.

Esta redução desencadeou uma onda de críticas, particularmente por parte da Prémio Nobel da Paz Malala Yousafzai.

Leia Também: 2021? Reino Unido alerta portugueses para novas regras de imigração

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório