Meteorologia

  • 01 DEZEMBRO 2020
Tempo
15º
MIN 11º MÁX 18º

Edição

Wall Street negoceia em alta no início da sessão

A bolsa nova-iorquina negociava hoje em alta no início da sessão, após o departamento do trabalho ter anunciado que os pedidos de subsídio de desemprego recuaram em 40 mil e o BCE ter mantido as taxas de juro inalteradas.

Wall Street negoceia em alta no início da sessão
Notícias ao Minuto

15:19 - 29/10/20 por Lusa

Economia mercados

Pelas 15:01 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones avançava 0,36% para 26.616,34 pontos e o Nasdaq progredia 1,07% para 11.124,29 pontos.

Já o índice alargado S&P 500 fixava-se em 3.301,14 pontos, mais 0,93%.

Na quarta-feira, a bolsa nova-iorquina encerrou em baixa com o índice Dow Jones a ceder 3,43%.

As inscrições para subsídios de desemprego nos Estados Unidos continuaram a baixar na semana passada, registando um recuo de 40.000 em relação ao período anterior, indicou hoje o Departamento do Trabalho.

Segundo os números divulgados hoje, entre 18 e 24 de outubro, os pedidos de subsídio baixaram para 751 mil, quando na semana anterior tinham ficado em 791 mil (dados revistos em alta).

Por sua vez, o Banco Central Europeu (BCE) decidiu hoje deixar as taxas de juro inalteradas e manter o volume do seu programa de compra de ativos destinado a atenuar os efeitos económicos da pandemia de covid-19.

Após uma reunião de política monetária realizada hoje, o BCE indicou, no entanto, que está pronto a reforçar os seus instrumentos de apoio à economia.

A principal taxa de refinanciamento mantém-se em 0%, um mínimo histórico, a taxa de juro de facilidade marginal de crédito permanece em 0,25% e a taxa aplicada aos depósitos continua negativa em -0,50%.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório