Meteorologia

  • 25 NOVEMBRO 2020
Tempo
11º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Apoio à retoma. Empresas podem fazer pedido referente ao mês anterior

Deste modo, entre o dia 29 de outubro e o dia 31 de outubro, será possível às entidades empregadoras apresentarem o pedido de apoio para o mês de setembro de 2020.

Apoio à retoma. Empresas podem fazer pedido referente ao mês anterior
Notícias ao Minuto

09:44 - 29/10/20 por Notícias Ao Minuto 

Economia apoio à retoma

A partir de hoje, dia 29 de outubro, as entidades empregadoras podem submeter o pedido para o apoio extraordinário à retoma progressiva referente ao próprio mês e ao anterior, de acordo com a informação divulgada pela Segurança Social

"No âmbito da medida de Apoio Extraordinário à Retoma Progressiva de Atividade, a partir de 29 de outubro passará a ser possível as entidades empregadoras apresentarem o pedido de apoio para o próprio mês e para o mês anterior", pode ler-se. 

Deste modo, entre o dia 29 de outubro e o dia 31 de outubro, será possível às entidades empregadoras apresentarem o pedido de apoio para o mês de setembro de 2020.

Além disso, "também será possível requerer o pedido de apoio para os novos intervalos de variação de quebra de faturação". Quer isto dizer que as empresas com quebras de 25% podem também entregar o pedido para requerer o apoio à retoma. 

Adianta ainda a Segurança Social que caso as entidades empregadoras já tenham entregue o pedido referente a outubro e pretendam "alterar a variação da quebra de faturação" terão de anular o pedido introduzido e apresentar um novo.

O apoio, com redução temporária do período normal de trabalho, tem a duração de um mês civil, sendo prorrogável mensalmente até 31 de dezembro de 2020.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório