Meteorologia

  • 25 OUTUBRO 2020
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 19º

Edição

Covid-19: PIB argentino cai 19,1% no segundo trimestre

A economia da Argentina caiu 19,1% no segundo trimestre, em comparação com o mesmo período de 2019, devido à pandemia da covid-19, anunciou hoje o Instituto Nacional de Estatística (Indec) argentino.

Covid-19: PIB argentino cai 19,1% no segundo trimestre
Notícias ao Minuto

08:37 - 29/09/20 por Lusa

Economia Argentina

No primeiro semestre do ano, a queda do Produto Interno Bruto (PIB) foi de 12,6% em comparação com o mesmo período em 2019, acrescentou a mesma fonte.

A Argentina, a terceira economia da América Latina, já em recessão desde 2018, tem sofrido muito com as restrições sanitárias postas em prática para travar a epidemia de covid-19.

Segundo o Indec, os setores mais afetados no segundo trimestre foram os hotéis e restaurantes (-73,4%), assim como os serviços pessoais (-60,3%).

A construção (-52,1%), a indústria transformadora (-20,8%), os transportes e comunicações (-22,5%) e o comércio (-16,9%) também caíram acentuadamente.

A Argentina decretou o confinamento nacional em 20 de março, com uma paralisia quase total da sua atividade económica.

Desde então, cada província relaxou ou apertou as restrições, dependendo da velocidade do contágio. Várias atividades produtivas foram gradualmente retomadas após autorização dos governos locais.

A Argentina registou 206 mortos e 8.841 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, elevando o número de óbitos para 15.749 e de casos para 711.325, de acordo com as autoridades.

Segundo projeções do Fundo Monetário Internacional (FMI), o PIB deverá cair 9,9% em 2020.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão de mortos e mais de 33,1 milhões casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório