Meteorologia

  • 28 MAIO 2020
Tempo
30º
MIN 20º MÁX 33º

Edição

Ganhar mais de 2.500 euros 'dá direito' a corte de 40% (já) este mês

Os trabalhadores da Função Pública que recebam mais de 2.500 euros mensais vão ter um corte no salário na ordem dos 40%, em linha com o que foi aprovado pelo Orçamento do Estado para este ano, segundo contas feitas pelo Jornal de Negócios e divulgadas na edição desta quarta-feira.

Ganhar mais de 2.500 euros 'dá direito' a corte de 40% (já) este mês

Quem tenha um rendimento bruto de 2.500 euros no Estado vai ter já este mês um corte salarial na ordem dos de 42%, recebendo apenas 1.581 euros, enquanto para os que ganham 4.000 euros a redução atinge os 47%. A notícia é avançada pela edição de hoje do Jornal de Negócios, que fez os cálculos segundo a tabela de retenção de IRS, que será aplicada este ano aos funcionários públicos.

Estes valores estão, aliás, em linha com o que foi aprovado no Orçamento do Estado para 2014, e cujo primeiro salário será recebido já em janeiro.

Contudo, os funcionários públicos que recebam menos, também vão ser menos afetados. Ainda de acordo com aquele jornal, um ordenado de 700 euros ficará reduzido a 557 euros, devido ao corte de 21%, ao passo que um de 1.000 euros sofrerá uma tesourada de 27%.

Saliente-se que a estes números terá ainda que ser aplicado o corte adicional resultante do agravamento do desconto para a ADSE, cujo processo se inicia em março ou abril.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório