Meteorologia

  • 22 OUTUBRO 2020
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Preços das casas desaceleram. Valor das transações reduz-se 15,2%

Os dados foram divulgados pelo INE.

Preços das casas desaceleram. Valor das transações reduz-se 15,2%

No segundo trimestre do ano, aquele que foi o mais marcado pelo confinamento, o Índice de Preços da Habitação registou um aumento, em termos homólogos de 7,8%, menos 2,5 pontos percentuais (p.p.) que no trimestre anterior, anunciou o INE, esta terça-feira. Quer isto dizer que a subida dos preços desacelerou

Entre abril e junho foram transacionados 33.398 alojamentos com um valor total de 5,1 mil milhões de euros, o que representa uma redução, face ao mesmo período do ano anterior, de 21,6% e 15,2%, respetivamente.

Abril foi o mês onde se registou a diminuição mais intensa nas transações, 35,2% no número e 25,0% no valor, segundo o INE. Em maio e junho observaram-se variações menos negativas, de -22,0% e -7,6%, respetivamente, no número de transações, e de -14,2% e -7,0% do respetivo valor, pela mesma ordem.

Em relação ao trimestre anterior, o Índice de Preços da Habitação aumentou 0,8%, face a 4,9% no 1.º trimestre de 2020. Neste período, o crescimento dos preços das habitações novas superou o das habitações existentes, 1,2% e 0,7%, respetivamente.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório