Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2020
Tempo
15º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

Inscrições semanais no desemprego baixam ligeiramente nos EUA

As inscrições semanais no desemprego nos Estados Unidos baixaram ligeiramente e ficaram em linha com o previsto pelos analistas, de acordo com os números divulgados hoje pelo Departamento do Trabalho.

Inscrições semanais no desemprego baixam ligeiramente nos EUA
Notícias ao Minuto

15:20 - 27/08/20 por Lusa

Economia Desemprego

De 16 a 22 de agosto, cerca de um milhão de pessoas inscreveram-se no desemprego, uma descida de 98.000 inscrições em relação à semana anterior. Os analistas também antecipavam um milhão de novos pedidos de subsídio de desemprego.

Depois de terem ficado no início de agosto abaixo de um milhão, o que aconteceu pela primeira vez desde março, os pedidos de apoio voltaram a subir depois.

No total, 13,9 milhões de pessoas recebiam subsídios de desemprego na semana passada, uma redução de 1,9%.

A taxa de desemprego relativa ao mês de agosto será divulgada no início de setembro. Em julho, baixou para 10,2%, quando tinha ficado em 11,1 no mês anterior.

A economia norte-americana criou 1,8 milhões de empregos em julho, menos do que em junho, dado que a atividade abrandou devido ao ressurgimento de casos de covid-19 em várias regiões.

Muitos desempregados enfrentam desde o início de agosto a perda de uma ajuda crucial de 600 dólares semanais, uma medida adotada no fim de março pela administração norte-americana e pelo Congresso no âmbito de um gigantesco pacote de ajuda à economia.

A Casa Branca e os membros do Congresso concordam em prolongar esta medida, que vigorou até 31 de julho, mas não se entendem sobre o montante da mesma.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório