Meteorologia

  • 12 AGOSTO 2020
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 26º

Edição

Emprego. Maioria dos universitários não tem LinkedIn

A rede social é mais dedicada ao meio profissional.

Emprego. Maioria dos universitários não tem LinkedIn

Um inquérito desenvolvido pela Universidade Portucalense revela que a maioria dos estudantes universitários (67%) não tem uma conta no LinkedIn. Esta rede social, sublinhe-se, é dedicada ao meio profissional. 

"A maioria dos estudantes universitários (67%) não tem conta LinkedIn, embora a grande maioria tem conhecimento da existência desta rede social, e os que têm conta criada nunca a consultam ou utilizam, conclui-se num inquérito da Universidade Portucalense junto de 361 estudantes do ano letivo de 2019-20", pode ler-se num comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso. 

O LinkedIn é uma rede social dedicada ao meio profissional, que serve para empresas e candidatos se relacionarem e estabelecerem contacto. 

"Estes dados da UPT mostram que aquele que podia ser um instrumento de procura e estabelecimento de contacto para quem quer entrar e afirmar-se no mercado de trabalho, não tem tanto peso assim para a geração mais jovem", segundo o mesmo comunicado. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório