Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2020
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 19º

Edição

Bolsas europeias em alta, apesar dos receios com novos surtos na China

As principais bolsas europeias abriram hoje em alta, apesar de receosas com os novos surtos de covid-19 na China, designadamente em Pequim.

Bolsas europeias em alta, apesar dos receios com novos surtos na China
Notícias ao Minuto

09:09 - 17/06/20 por Lusa

Economia mercados

Cerca das 08:45 em Lisboa, o EuroStoxx 600 subia 2,30% para 365,63 pontos.

As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt avançavam 0,80%, 1,06% e 0,52%, respetivamente, bem como as de Madrid e Milão, que subiam 0,11% e 0,74%.

Depois de ter aberto em alta, a bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 08:45, o principal índice, o PSI20, subia 0,66% para 4.461,89 pontos.

Devido ao novo surto de covid-19 no principal mercado de Pequim, as autoridades chinesas subiram o nível de alerta sanitário e suspenderam os voos entre províncias e as viagens transfronteiriças e todas as aulas presenciais na cidade.

Os investidores também estão preocupados com os novos focos de risco geopolítico (Coreia do Norte e do Sul ou o surto de violência na fronteira entre a China e a Índia).

Num dia em que serão conhecidos dados dos preços de maio e em que os investidores estarão de novo pendentes das palavras do presidente da Reserva Federal dos Estados Unidos (Fed), Jerome Powell, os novos encerramentos na China também estão a gerar receios sobre a evolução da procura de petróleo.

Na terça-feira, a bolsa de Nova Iorque terminou com o Dow Jones a subir 2,04% para 26.289,98 pontos, contra 29.551,42 pontos em 12 de fevereiro, atual máximo desde que foi criado em 1896.

No mesmo sentido, o Nasdaq fechou a avançar 1,75% para 9.895,87 pontos, contra o atual máximo de 9.817,18 pontos em 19 de fevereiro.

A nível cambial, o euro abriu hoje em alta no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,1283 dólares, contra 1,1268 dólares na terça-feira.

O barril de petróleo Brent para entrega em agosto abriu com tendência negativa, mas a cotar-se a 40,60 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, contra 40,96 dólares na terça-feira.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório