Meteorologia

  • 29 OUTUBRO 2020
Tempo
16º
MIN 11º MÁX 19º

Edição

IRS. Reembolsos serão mais baixos por causa das taxas de retenção

Até ao momento, foram pagos 633 milhões de euros em reembolsos.

IRS. Reembolsos serão mais baixos por causa das taxas de retenção

O ministro das Finanças, Mário Centeno, lembrou, esta terça-feira, que o montante dos reembolsos do IRS será menor este ano por causa das taxas de retenção mais reduzidas que foram aplicadas no ano passado. Até ao momento, foram pagos  633 milhões de euros em reembolsos.

Em entrevista à TSF, Centeno lembrou que "este ano temos reembolsos de menor dimensão, porque as taxas de retenção no ano passado foram reduzidas (...) temos de levar isso em conta quando comparamos em euros", afirmou o ministro das Finanças. 

Apesar de admitir que o ritmo de entrega das declarações de IRS foi superior no início da campanha, quando comparado com o do período homólogo, Centeno esclarece que o ritmo abrandou e "neste momento há menos declarações entregues do que no ano passado".

Os dados indicam que o valor médio dos reembolsos processados no âmbito da campanha deste ano do IRS (para os rendimentos obtidos em 2019) ronda os 971 euros.

A entrega da declaração anual do IRS iniciou-se em 1 de abril e, desde então, o Portal das Finanças já registou a submissão de 3.265.742 declarações. No ano passado foram entregues 5.831.280 declarações.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório