Meteorologia

  • 24 JUNHO 2022
Tempo
22º
MIN 14º MÁX 24º

Redução do IVA na compra de máscaras e gel entra em vigor amanhã

A medida do Governo foi publicada, esta quinta-feira, em Diário da República. Produz efeitos a partir de amanhã e durará até ao final do ano.

Redução do IVA na compra de máscaras e gel entra em vigor amanhã

A taxa reduzida do IVA para as máscaras e gel desinfetante entra em vigor amanhã, de acordo com uma portaria publicada, esta quinta-feira, em Diário da República, depois de o diploma ter merecido a promulgação do Presidente da República

O diploma, sublinhe-se, "determina, com efeitos temporários, a aplicação da taxa reduzida de IVA às importações, transmissões e aquisições intracomunitárias de máscaras de proteção respiratória e de gel desinfetante cutâneo", pode ler-se. 

Até agora, a taxa de IVA aplicada a estes produtos era de 23%, mas a partir de amanhã passa a ser de 6%, uma vez que o diploma do Governo produz efeitos no dia seguinte ao da publicação. 

A redução do IVA aplicado a estes produtos tinha sido anunciada pelo primeiro-ministro, António Costa, que aceitou uma sugestão deixada pelo líder do principal partido da oposição, Rui Rio. 

O uso de máscara, recorde-se, é obrigatório nos transportes públicos onde o incumprimento é punido com multa-, no "acesso ou permanência aos espaços e estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços, nos serviços e edifícios de atendimento ao público e nos estabelecimentos de ensino e creches pelos funcionários docentes e não docentes e pelos alunos maiores de seis anos", segundo um outro diploma do Governo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório