Meteorologia

  • 16 MAIO 2022
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 22º

Covid-19. Pescadores garantem peixe fresco mas pedem apoio ao Governo

Os pescadores do Norte do país asseguraram hoje que "está garantido peixe fresco para os consumidores portugueses", mas pediram apoio ao Governo para reduzirem até 30 % a permanência da frota no mar.

Covid-19. Pescadores garantem peixe fresco mas pedem apoio ao Governo
Notícias ao Minuto

20:01 - 17/03/20 por Lusa

Economia Covid-19

"Temos capacidade para garantir peixe fresco para as necessidades país, mas temos sentido uma quebra na procura com fecho de muitos mercados e restaurantes e com as limitações de acesso aos hipermercados. Não vale a pena estarem todos os barcos no mar se depois não venderem o que pescaram", disse à Agência Lusa José Festas, presidente da Associação Pró Maior Segurança dos Homens do Mar (APMSHM).

Nesse sentido, o dirigente vai endereçar ao Governo uma proposta para "restringir, temporariamente, entre 20 a 30% permanência dos barcos em atividade", mas pedindo para os que ficam em terra "uma linha de crédito ou um subsídio para que pescadores possam continuar sobreviver".

"Se todos forem para o mar, não vão conseguir rentabilizar o que pescam, porque a procura é menor. Mas se reduzirmos a atividade dos barcos e aplicarmos medidas de rotatividade entre a frota, vamos ter mais equilíbrio. Para os que não vão trabalhar através dessa medida, o Governo terá de apoiar pela redução de atividade", disse o líder associativo.

José Festas lembrou que parte do peixe capturado pelos barcos nacionais se destina a Espanha, "onde também se sentiu uma redução da procura", vincando que "este é um setor que lida sobretudo com produtos frescos que são vendidos em quantidades limitadas".

O presidente da APHSM garantiu, ainda, que foram dadas recomendações aos pescadores para minimizarem o perigo de contágio de Covid-19, vincando que o facto das tripulações da maior parte das embarcações não excederem os 10 homens minimiza os riscos de propagação.

"Temos recomendando que lavem as mãos várias vezes, que limpem os barcos, e que quando saem de trabalhar evitem estar em grandes grupos e permaneçam em casa. É importante que todos estejam com saúde para estar no ativo", disse José Festas.

O dirigente partilhou que as medidas de segurança e higiene nas lotas geridas pela Docapesca, nomeadamente a redução de tripulantes na entrega do peixe, "estão a funcionar bem e não têm causado transtorno à atividade".

O coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou cerca de 170 mil pessoas, das quais 6.850 morreram. Das pessoas infetadas em todo o mundo, mais de 75 mil recuperaram da doença.

O surto começou na China, em dezembro, e espalhou-se por mais de 140 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde (DGS) elevou hoje número de casos confirmados de infeção para 448, mais 117 do que na segunda-feira, dia em que se registou a primeira morte no país.

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório