Meteorologia

  • 30 MARçO 2020
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 14º

Edição

Covid-19: Fed pronta para intervir mas economia continua sólida

A Reserva Federal dos Estados Unidos da América (Fed) está pronta para intervir devido às consequências financeiras que poderão advir da epidemia do Covid-19, mas "os fundamentos da economia norte-americana" continuam sólidos, garantiu hoje o presidente da instituição.

Covid-19: Fed pronta para intervir mas economia continua sólida

"Os fundamentos da economia norte-americana permanecem sólidos. Contudo, o novo coronavírus representa um risco crescente para a atividade económica", disse em comunicado Jerome Powell, citado pela agência France-Presse.

Powell garantiu que a Reserve Federal norte-americana está preparada para intervir, caso seja necessário, com as ferramentas de que aquela instituição dispõe.

Os pedidos de intervenção do banco central dos Estados Unidas multiplicaram-se nos últimos dias, inclusive da parte do Presidente norte-americano, Donald Trump.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) aumentou hoje para "muito elevado" o nível de ameaça do novo coronavírus, que já infetou cerca de 79.000 pessoas na China e mais de 5.000 no resto do mundo.

O diretor-geral da organização, Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou que os epidemiologistas da OMS acompanharam em permanência os desenvolvimentos da infeção por SARS-CoV-2, doença denominada Covid-19, e foi decidido aumentar a avaliação do risco de propagação e do risco de impacto para o nível mais alto.

Tedros Adhanom Ghebreyesus avançou ainda que mais de 20 vacinas estão a ser desenvolvidas em todo o mundo e que vários produtos terapêuticos estão a ser testados, sendo os primeiros resultados esperados em "algumas semanas".

Se a China era até há recentemente o único foco mundial do novo coronavírus, o risco multiplicou-se com o surgimento de novos casos em países como a Coreia do Sul, o Irão e a Itália.

Segundo a OMS, cerca de 50 países estão agora afetados.

O Covid-19, detetado em dezembro na China e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou pelo menos 2.858 mortos e infetou mais de 83 mil pessoas, de acordo com dados reportados por meia centena de países e territórios.

Das pessoas infetadas, mais de 36 mil recuperaram.

Além de 2.788 mortos da China, há registo de vítimas mortais no Irão, Coreia do Sul, Itália, Japão, Filipinas, França, Hong Kong e Taiwan.

Dois portugueses tripulantes de um navio de cruzeiros encontram-se hospitalizados no Japão, devido à infeção pelo Covid-19.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório