Meteorologia

  • 26 MAIO 2020
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 32º

Edição

As portagens destas autoestradas vão ficar mais baratas a partir de julho

Novo modelo de portagens, que deverá ser amanhã aprovado em Conselho de Ministros, vai entrar em vigor em julho. A redução visa aproximar do Litoral as regiões do Interior do país

As portagens destas autoestradas vão ficar mais baratas a partir de julho

O modelo de descontos das portagens é uma das medidas que o Governo vai levar para o Conselho de Ministros de amanhã, em Bragança, e que já tinha sido anunciada pela ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, na Assembleia da República, a 24 de janeiro. A portaria vai entrar em vigor no terceiro trimestre deste ano, tendo a ministra garantido à RTP que a medida representa uma redução de sensivelmente um quarto na fatura mensal dos utentes.

Assim, a partir de julho, há reduções nas portagens para os veículos de classe 1 e 2. No mesmo mês pagam os primeiros sete dias, depois do 8.º e até ao 15.º dia, os condutores têm um desconto de 20 %. A partir do 16.º dia até ao final do mês, o desconto sobe para 40 %.

Saiba quais são as sete autoestradas no interior (mais duas no litoral, por falta de alternativas) que passarão a ter descontos em julho:  

  • A22 - Algarve
  • A23 - IP
  • A23 - Beira Interior
  • A24 - Interior Norte
  • A25 - Beira Litoral e Beira Alta
  • A28 - Norte Litoral
  • A4 - Subconcessão AE transmontana
  • A4 - Túnel do Marão
  • A13 e A13-1 - Subconcessão Pinhal Interior

"Isto é para utilizadores frequentes, isto significa um acesso universal, automático, basta ter o dispositivo eletrónico, não exige qualquer burocracia para se ter acesso", referiu a ministra, esta quarta-feira, à Lusa. 

Até agora, acrescentou, a burocracia "impedia muitas pessoas de terem acesso aos descontos que já existiam".

Segundo Ana Abrunhosa, estes descontos beneficiam os residentes ou os que se deslocam frequentemente às regiões, quer em termos de atividade económica ou turística.

Relativamente ao transporte de mercadorias, os descontos vão ser aumentados dos 30% para os 35% de dia e de 50% para 55% à noite.

A ministra anunciou ainda um desconto para os transportes de passageiros, que até agora não existiam e que passam a ser iguais às percentagens dos transportes de mercadorias.

objetivo é, frisou, "estimular o uso do transporte coletivo em detrimento do transporte individual". "É um exercício que queremos continuar a acentuar nos próximos orçamentos, de redução das portagens, porque estamos a falar de vias que no passado não tinham portagens e que agora têm. Quereríamos também trabalhar no futuro a questão do fim de semana, mas consideramos que é já um primeiro passo muito positivo", sublinhou.

Neste momento, segundo Ana Abrunhosa, estão a ser tratados os procedimentos burocráticos relacionados com as parcerias público privadas e a ser trabalhado o algoritmo da via verde.

Refira-se que o Executivo socialista vai rumar esta quarta-feira ao distrito de Bragança para o arranque da iniciativa 'Governo mais próximo', que, até amanhã, inclui visitas à região de ministros e secretários de Estado e uma reunião do Conselho de Ministros. O objetivo é  "entrar em contacto direto com cada região e a população", e exercer uma "governação de proximidade".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório