Meteorologia

  • 31 MARçO 2020
Tempo
12º
MIN 6º MÁX 14º

Edição

Covid-19: Ouro dispara e sobe para novos máximos desde março de 2013

O ouro atingiu hoje um novo máximo dos últimos sete anos, estando a consolidar-se como ativo de refúgio devido aos receios da rápida propagação do coronavírus fora da China, em regiões como a Coreia do Sul, Itália e Irão.

Covid-19: Ouro dispara e sobe para novos máximos desde março de 2013
Notícias ao Minuto

13:13 - 24/02/20 por Lusa

Economia Coronavírus

Cerca das 12h00 em Lisboa, a onça de ouro estava a cotar-se acima dos 1.680 dólares, o valor mais alto desde março de 2013 e acima de 1.643,69 dólares na sexta-feira.

A rápida expansão do coronavírus fora da China e o aparecimento de surtos noutras regiões como Itália, Coreia do Sul ou Irão provocaram hoje a queda das bolsas em todo o mundo, levando os investidores a optar por ativos considerados seguros como o dólar, a dívida soberana e o ouro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório