Meteorologia

  • 22 OUTUBRO 2020
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Covid-19: Apple anuncia que não vai cumprir previsões de receitas

San Francisco, EUA, 17 fev 2020 (Lusa) -- A Apple anunciou na segunda-feira que a sua previsão de volume de negócios para o segundo trimestre não vai ser atingida devido à epidemia provocada pelo novo coronavírus aparecido na China, país crucial para a empresa norte-americana.

Covid-19: Apple anuncia que não vai cumprir previsões de receitas
Notícias ao Minuto

06:25 - 18/02/20 por Lusa

Economia Apple

San Francisco, EUA, 17 fev 2020 (Lusa) -- A Apple anunciou na segunda-feira que a sua previsão de volume de negócios para o segundo trimestre não vai ser atingida devido à epidemia provocada pelo novo coronavírus aparecido na China, país crucial para a empresa norte-americana.

Em comunicado, a empresa tecnológica cita dificuldades de aprovisionamento de iPhone, fabricados na China, e na procura dos seus produtos, uma vez que os seus armazéns estão fechados no país.

"O trabalho começa a recuperar, mas o regresso às condições normais está a levar mais tempo do que tínhamos antecipado", detalhou o grupo californiano, apontando uma "penúria de iPhones, que vai afetar temporariamente" as receitas no mundo.

No final de janeiro, ao apresentar resultados recordes, graças a uma forte procura para a gama de iPhone 11 que tinha sido lançada para a época das festas de fim de ano, a Apple tinha prevenido que a grave crise sanitária implicava consequências.

O grupo já tinha avançado um intervalo de previsões para o seu volume de negócios mais largo do que o habitual, situado entre 63 mil milhões e 67 mil milhões de dólares (58 mil milhões e 62 mil milhões de euros).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório