Meteorologia

  • 31 MARçO 2020
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 13º

Edição

Japão regista maior queda trimestral do PIB em cinco anos

O Japão anunciou hoje a pior queda em cinco anos no Produto Interno Bruto (PIB), no quarto trimestre de 2019, pressionado pelo aumento dos impostos sobre o consumo e quando enfrenta a ameaça do novo coronavírus.

Japão regista maior queda trimestral do PIB em cinco anos
Notícias ao Minuto

05:57 - 17/02/20 por Lusa

Economia Japão

Uma recessão, que consiste em dois trimestres consecutivos de declínio, parece assim provável devido às repercussões ainda difíceis de medir do surto do coronavírus, designado Covid-19.

O Japão é atualmente o segundo país com mais casos, a seguir à China.

O PIB do país caiu 1,6%, entre outubro e dezembro passado, comparativamente aos três meses anteriores, depois de o Governo ter aumentado o IVA na maioria dos bens e serviços de consumo, de 8% para 10%, em outubro passado.

A procura doméstica caiu assim no último trimestre 8%, em termos homólogos.

Trata-se do primeiro declínio em cinco trimestres e confirma as previsões dos analistas. No entanto, é mais grave do que o esperado e o pior desde abril de 2014.

Os dados relativos ao último trimestre colocam o crescimento anual da economia japonesa em 0,7%, afirmou o Governo. No entanto, trata-se de um número que pode ser revisto posteriormente, assim como o do quarto trimestre.

A notícia levou a uma queda hoje no índice de ações de referência Nikkei 225.

O surto do novo coronavírus vai provavelmente afetar várias atividades da economia japonesa.

Além de uma queda acentuada de turistas chineses, essenciais nos últimas anos para sustentar o crescimento no Japão, empresas japonesas tiveram também que interromper ou ajustar a produção devido a interrupções na cadeia de fornecimento ou encerramento de fábricas na China.

É provável também que o consumo caia à medida que as pessoas evitam multidões.

Para Takashi Shiono, da Credit Suisse Securities, "as repercussões do coronavírus devem ser temidas no setor dos serviços".

O surto poderá ter um impacto ainda maior no país, onde os Jogos Olímpicos de Tóquio2020 vão realizar-se em menos de seis meses.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório