Meteorologia

  • 25 FEVEREIRO 2020
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Bruxelas piora perspetivas de crescimento do Reino Unido para 2020 e 2021

Bruxelas manteve hoje a perspetiva de crescimento do Reino Unido para 2019 nos 1,3%, face às anteriores de outono, piorando-as para os dois anos seguintes para os 1,2%, dos anteriores 1,4%.

Bruxelas piora perspetivas de crescimento do Reino Unido para 2020 e 2021
Notícias ao Minuto

11:24 - 13/02/20 por Lusa

Economia Reino Unido

O executivo comunitário sinaliza, no entanto, que as previsões hoje divulgadas são baseadas numa "mera assunção técnica" devido à incerteza sobre a futura relação entre este país e a União Europeia.

Nas previsões económicas intercalares de inverno, hoje divulgadas, a Comissão Europeia considera que em 2020 e 2021 o crescimento deverá estabilizar nos 1,2%, com o consumo privado a conduzir a evolução da economia, suportada pela melhoria dos salários e uma política fiscal expansiva para 2020-21.

A comissão lembra que, com o processo de saída da União Europeia no dia 31 de janeiro de 2020, o Reino Unido entrou num período de transição durante o qual se mantêm em vigor as regras comunitárias, com algumas exceções.

"As projeções para 2021 são baseadas numa mera assunção técnica do 'status quo' em termos da relação comercial entre a UE e o Reino Unido. Esta acontece apenas para efeitos de estimativa e não terá influência na negociação da relação futura entre as partes", ressalva o executivo.

Os riscos destas previsões são no sentido da revisão em baixa, sinaliza.

Quanto às previsões para a inflação, Bruxelas estima que em 2020 desça dos 1,8% registados em 2019 para os 1,7%, antes de uma nova subida para os 2,0% em 2021.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório