Meteorologia

  • 18 FEVEREIRO 2020
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 15º

Edição

BCE retirou 308.000 notas de euro falsas no 2.º semestre, mais 17,6%

O número de notas falsas em euros que se retiraram de circulação foi de 308.000 no segundo semestre, mais 22,7% do que no primeiro semestre e 17,6% face ao mesmo período de 2018.

BCE retirou 308.000 notas de euro falsas no 2.º semestre, mais 17,6%
Notícias ao Minuto

12:38 - 24/01/20 por Lusa

Economia BCE

O BCE informou hoje que mais de 70% das notas retiradas eram de 20 e de 50 euros.

A entidade monetária assegura que as notas em euros continuam a ser um meio de pagamento fiável e seguro e que a autenticidade das mesmas se pode comprovar com o método "tocar, olhar e virar".

A probabilidade de receber uma nota falsa é remota, já que o número continua a ser muito baixo em comparação com o das notas autênticas em circulação, que é de mais de 24.000 milhões com um valor total de cerca de 1,3 biliões de euros.

O número de notas falsas detetadas anualmente por cada milhão de notas autênticas em circulação é muito baixo, cerca de 20 notas, como em 2002.

Em 2009 registou-se um aumento do número de notas falsas por cada milhão de notas autênticas até quase 65 notas.

Em 2003 e 2004 também foi ultrapassada a barreira das 60 notas falsas e desde 2015 tem-se registado uma tendência de descida ininterruptamente.

A maioria das notas falsas (96,4%) foi encontrada em países da zona euro, tendo as restantes sido encontradas em Estados membros da União Europeia (UE) não pertencentes à zona euro (3%) ou noutros locais do mundo (0,6%).

O Banco de Portugal (BdP) anunciou hoje a retirada de 8.923 notas contrafeitas de circulação no segundo semestre em Portugal, mais 1.496 do que no primeiro semestre.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório