Meteorologia

  • 21 FEVEREIRO 2020
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 21º

Edição

Aljustrel investe 3,7ME em três áreas para atrair empresas

A Câmara de Aljustrel, no Alentejo, vai investir 3,7 milhões de euros em três áreas empresariais para atrair empresas, fomentar o empreendedorismo e a criação de emprego e fixar população no concelho.

Aljustrel investe 3,7ME em três áreas para atrair empresas
Notícias ao Minuto

11:07 - 20/01/20 por Lusa

Economia Aljustrel

Trata-se de três projetos em áreas empresariais na vila de Aljustrel e nas aldeias de Ervidel e de S. João de Negrilhos, que vão implicar um investimento total de 3.780.075,45 euros, precisou hoje à agência Lusa fonte do município.

Em comunicado enviado à Lusa, a Câmara de Aljustrel, no distrito de Beja, refere que os três projetos pretendem "dar um novo impulso ao desenvolvimento económico do concelho" com zonas empresarias "potencialmente atrativas para a chegada de novas atividades económicas, fomentando-se o empreendedorismo e a criação de emprego e, consequentemente, a fixação de população".

O maior projeto, de 2.207.189,17 euros, vai permitir a expansão da Área de Acolhimento Empresarial de Aljustrel e será um "contributo para a colmatação urbana" de uma zona que tem "uma estreita relação física e funcional" com a zona industrial da vila e está próxima da Estrada Nacional (EN) 2.

O projeto de expansão vai abranger uma área de 13,7 hectares, onde serão criados por fases 61 lotes para instalação de atividades económicas, acompanhados dos respetivos arranjos urbanísticos e paisagísticos.

O segundo maior projeto, de 996.014,74 euros, prevê a criação da Área de Acolhimento Empresarial de Ervidel, numa área de 4,6 hectares, que tem "uma estreita ligação" à EN2 e onde serão criados por fases 39 lotes para instalação de atividades económicas, acompanhados de infraestruturas urbanísticas e espaços verdes.

O menor projeto, de 576.871,54 euros, vai permitir a qualificação da Área de Acolhimento Empresarial de S. João de Negrilhos, numa área inferior a 0,5 hectares e onde serão criados 10 lotes acompanhados dos respetivos arranjos urbanísticos e paisagísticos.

Os três projetos vão ser cofinanciados em 85% por fundos comunitários e em 15% pela Câmara de Aljustrel.

Segundo o município, as propostas de delimitação e fundamentação das unidades de execução das três áreas empresariais foram aprovadas na mais recente reunião de câmara e irão ser submetidas a discussão pública.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório