Meteorologia

  • 01 ABRIL 2020
Tempo
MIN 7º MÁX 14º

Edição

Metro de Lisboa vai renovar bancos em todas as carruagens

Os novos bancos serão revestidos por um produto nacional e "amigo do ambiente", de acordo com a empresa de transportes.

Metro de Lisboa vai renovar bancos em todas as carruagens

O Metropolitano de Lisboa anunciou, esta quarta-feira, que vai renovar os bancos de todas as carruagens em circulação, sendo que a substituição será "gradual". Os novos bancos serão revestidos por um produto de origem nacional e natural, à base de cortiça, sendo por isso mais "amigo do ambiente". 

"Coincidindo com '2020 - Lisboa Capital Verde da União Europeia', os novos bancos serão revestidos com um produto que é de origem nacional, com custo inferior, mais fácil de manter e amigo do ambiente, a cortiça. O novo material dos assentos e costas, que vai substituir o atual tecido, é formado por um compósito de cortiça, sendo mais percetível a sua textura e a sua cor natural", refere a empresa, num comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso.

Adianta ainda a empresa que já há 200 bancos, em seis carruagens, com este revestimento em circulação, a título experimental. 

"Com os novos bancos, mais ergonómicos e resistentes, as carruagens do Metro vão receber este material natural, que é nacional e amigo do ambiente, cumprindo os requisitos de emissão de fumos e gases tóxicos, conferindo ao interior das carruagens um aspeto rejuvenescido e totalmente modernizado", pode ler-se. 

A durabilidade deste material também é superior, ao que indica a empresa de transportes, sendo estimada em 15 anos, "garantindo melhores condições de utilização pelos clientes do Metropolitano de Lisboa".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório