Meteorologia

  • 19 MAIO 2022
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 29º

Anulação de concurso de barcos na Transtejo vai prejudicar utentes

A anulação do concurso público para a aquisição de 10 novos barcos na Transtejo não foi uma surpresa para o Sindicato dos Transportes Fluviais, Costeiros e da Marinha Mercante, mas "vai prejudicar os utentes", lamentou hoje fonte sindical.

Anulação de concurso de barcos na Transtejo vai prejudicar utentes
Notícias ao Minuto

14:32 - 18/12/19 por Lusa

Economia Transtejo

O secretário de Estado da Mobilidade. Eduardo Pinheiro, adiantou ao Jornal de Negócios que o concurso foi anulado devido "à não demonstração pelos concorrentes do cumprimento dos requisitos de capacidade técnica exigidos, estando previsto o lançamento de um novo procedimento no mês de janeiro, mas agora para a compra de barcos 100% elétricos".

Em declarações hoje à Lusa, Carlos Costa, do Sindicato dos Transportes Fluviais, Costeiros e da Marinha Mercante, lamentou a situação.

"Já estávamos à espera da anulação. Temos vindo a receber informações por parte da empresa que apontavam para esse sentido", disse, acrescentando que ao nível do serviço público há, assim, um atraso de toda a programação de no mínimo 12 meses.

Carlos Costa espera que a situação nos transportes fluviais "não piore", lembrando que parte da frota está já bastante envelhecida e é "claramente insuficiente para o número de passageiros que os utiliza".

"Vai demorar muito tempo. Toda a construção arquitetónica e física demora o seu tempo. Um navio é uma coisa complicada e demorada de fazer. Enfim, neste momento não podemos fazer mais nada a não ser aguardar", frisou.

Eduardo Pinheiro adiantou ao Negócios que está previsto que a adjudicação tenha lugar no início do segundo semestre de 2020. Ao contrário do primeiro concurso, este não irá prever uma fase de pré-qualificação de forma a conseguir reduzir-se ao máximo os prazos do concurso.

O concurso foi anulado por decisão do júri do concurso e foi anunciada a abertura de um novo concurso no início do próximo ano, implicando o atraso de 12 meses na chegada dos primeiros barcos, agora apontada para 2022.

Os novos barcos, que se destinam às ligações de Lisboa a Cacilhas, Seixal e Montijo, só vão começar a ser entregues em 2022 (quatro), mas o processo "ficará concluído até 2024, como estava anteriormente previsto", assegurou o secretário de Estado.

O governante esclareceu que "no procedimento anterior estava prevista uma entrega ainda em 2021, mas agora chegarão mais navios em 2022".

Após uma análise técnica realizada pela Transtejo foi concluído que a "solução 100% elétrica é viável para a operação e, por outro lado, que se enquadra no orçamento disponível".

O valor base do novo concurso será equivalente ao que foi lançado em janeiro, de 90 milhões de euros, dos quais 57 milhões são para os navios e 33 milhões para a manutenção durante um período de cinco anos.

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório