Meteorologia

  • 17 ABRIL 2021
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 23º

Edição

Mota-Engil assina contrato de mineração na Guiné-Conacri

A Mota-Engil anunciou hoje que assinou um contrato de mineração na Guiné-Conacri avaliado em 220 milhões de euros, segundo um comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Mota-Engil assina contrato de mineração na Guiné-Conacri
Notícias ao Minuto

14:10 - 18/12/19 por Lusa

Economia Mota-Engil

Na mesma nota, o grupo referiu que o contrato de mineração "totaliza cerca de 220 milhões de euros, terá uma duração estimada de seis anos e nove meses e contempla essencialmente serviços de mineração para uma mina de ouro propriedade da Société des Mines de Mandiana, S.A.".

A empresa destacou ainda que a adjudicação deste contrato é "mais um exemplo relevante da dinâmica comercial da Mota-Engil em África, e no setor da mineração em particular, continuando aquele continente a afirmar-se como um pilar do desenvolvimento" do grupo.

Esta terça-feira, a Mota-Engil tinha anunciado, em comunicado, dois novos contratos nas Honduras e em Angola.

O contrato nas Honduras, que totaliza cerca de 195 milhões de euros e terá uma duração estimada de três anos, prevê a construção de uma instalação hidroelétrica (El Tornillito), com uma potência instalada de 194 megawatts (MW).

Por sua vez, o contrato em Angola, que tem uma duração estimada de 30 meses, contempla a conclusão do sistema elevatório norte, do perímetro irrigado do Calueque e de uma central de geração hídrica, totalizando, sensivelmente, 115 milhões de euros.

"Prevê-se que o financiamento integral deste projeto seja assegurado por uma instituição de crédito à exportação", referiu a construtora.

Adicionalmente, a Mota-Engil México foi autorizada a comprar a concessionária da Autopista Cuapiaxtla-Cuacnopalan, que tem uma extensão de 63 quilómetros.

A operação, detida a 100% pela Mota-Engil México, associada a um fundo de investimento, tem um prazo de 30 anos após o fecho financeiro e implica um investimento que ultrapassa os 200 milhões de euros.

Fundado em 1946, o Grupo Mota-Engil está presente em 28 países, repartidos por três áreas geográficas (Europa, África e América Latina), entre os quais Brasil, Angola e Moçambique.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório