Meteorologia

  • 12 DEZEMBRO 2019
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Ministra defende aposta da vitivinicultura como um setor determinante

A ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, afirmou hoje que o Governo deve continuar a aposta na vitivinicultura como um setor determinante para a coesão e desenvolvimento territorial.

Ministra defende aposta da vitivinicultura como um setor determinante
Notícias ao Minuto

19:40 - 04/12/19 por Lusa

Economia Agricultura

Portugal está no top 10 dos países que mais vinham exportam, um sinal claro para a ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, de que se trata de um setor em que o Governo "tem que continuar a fazer uma aposta forte", por forma a alicerçar o "desenvolvimento territorial, que se quer coeso, também tendo por base este setor que é absolutamente determinante".

Nas Caldas da Rainha, à margem do encerramento do Fórum Vinhos de Portugal, promovido anualmente pela ViniPortugal, a ministra disse aos jornalistas que o grande desafio nacional é "a sustentabilidade do setor da agricultura e dos seus recursos naturais", a água e o solo, e apontou a vitivinicultura como "um setor que dá cartas" na implementação de "técnicas e medidas" nesse sentido.

Já antes, no discurso de encerramento do Fórum, a ministra elogiou a "proatividade" e o "caráter inovador" do setor que conseguiu "um crescimento coeso, estruturado e orientado para objetivos reconhecidos pelos vários intervenientes".

Na 9.ª posição entre os países do Mundo que mais vinho exportam, o setor viu hoje a governante reconhecer "a relevância da promoção no reforço e na manutenção da notoriedade em mercados externos" como forma de gerar valor para os vinhos nacionais.

Nesse sentido "Portugal incluiu o apoio à promoção em países terceiros no PNA - Programa Nacional de Apoio ao Setor Vitivinícola", disse a ministra, acrescentando que estão a decorrer dois concursos no âmbito da Promoção, um dos quais de apoio à Promoção em Países Terceiros e outro de apoio promoção no Mercado Interno (Portugal e União Europeia).

Para Maria do Céu Albuquerque, o sucesso do setor é também visível na "execução do Programa Nacional de Apoio" que regista "taxas de execução anual de cerca de 100% da dotação total atribuída a Portugal", tendo sido pagos apoios globais superiores a 325 milhões de euros, "em que mais de 82% foram alocados à medida Reestruturação e Reconversão das Vinhas".

Na medida Promoção em países Terceiros, "a 2.ª medida mais representativa", segundo a ministra, "foram pagos 33 milhões de euros em apoios".

"Resumindo", concluiu a governante, não existem dúvidas sobre o "contributo essencial" do setor para o crescimento nacional.

O Fórum Vinhos de Portugal é promovido anualmente pela ViniPortugal e reuniu hoje nas Caldas da Rainha 400 participantes numa sessão de análise e de debate sobre a realidade do setor vitivinícola nacional e as estratégias de promoção para 2020.

A ViniPortugal é a organização interprofissional do Vinho em Portugal e a entidade gestora da marca "Wines of Portugal" (Vinhos de Portugal). Agrupa estruturas associativas e organizações de profissionais ligadas ao comércio (ACIBEV e ANCEVE), à produção (FENAVI e FEVIPOR), às cooperativas (FENADEGAS), aos destiladores (AND), aos agricultores (CAP) e às Denominações de Origem (ANDOVI).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório