Meteorologia

  • 26 OUTUBRO 2020
Tempo
15º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

Banco Santander reduz 3.069 postos de trabalho em Espanha

O banco Santander anunciou hoje que reduziu a sua força de trabalho em Espanha, em 3.069 colaboradores, o grosso do ajustamento laboral, desenhado para eliminar as duplicações na rede de agências com a compra do banco Popular.

Banco Santander reduz 3.069 postos de trabalho em Espanha
Notícias ao Minuto

12:19 - 27/11/19 por Lusa

Economia Santander

O grupo financeiro presidido por Ana Botín acordou com os sindicatos, no verão passado, reduzir o número de funcionários em Espanha, em 3.223, como resultado do encerramento de mais de 1.000 agências bancárias, refere o banco em comunicado.

Com a conclusão do período de rescisões voluntárias, o Santander cortou o número de funcionários em 3.069 em Espanha, tendo com estas saídas alcançado mais de 95% do objetivo.

Do total dos 3.069 trabalhadores que saíram, 2.041 são homens e 1.028 mulheres, segundo o banco espanhol.

O Santander referiu ainda que 39 trabalhadores rescindiram os contratos de trabalho sem terem aderido ao plano de redução da força laboral negociado com os sindicatos, enquanto 3.030 aderiram às rescisões voluntárias previstas no plano de saídas negociado pelo banco com os sindicatos, segundo disseram à Efe fontes ligadas às negociações.

Cerca de 55% das saídas, o equivalente a 1.708 funcionários, corresponderam a reformas antecipadas e as 45% restantes, isto é, 1.361 trabalhadores, foram efetuadas através de compensações por anos trabalhados.

No comunicado, o Santander referiu também que 82% das saídas ocorreram na rede de agências, representando uma redução de 2.521 funcionários.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório