Meteorologia

  • 12 DEZEMBRO 2019
Tempo
16º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Presidente Marcelo dá 'luz verde' a salário mínimo de 635 euros

Depois de aprovado em sede de Conselho de Ministros, a proposta de aumento do salário mínimo nacional 'rumou' a Belém. E o Presidente Marcelo já deu o seu 'ok'.

Presidente Marcelo dá 'luz verde' a salário mínimo de 635 euros

Em janeiro do próximo ano, o salário mínimo vai subir dos atuais 600 euros para 635. Não houve acordo quanto ao valor em reunião da Concertação Social, mas o Conselho de Ministros decidiu aprovar este aumento já para 2020 e remeteu a proposta para avaliação da Presidência da República.

O Presidente Marcelo, que esteve esta semana fora do país de visita a Itália, publicou ao início da tarde desta sexta-feira uma nota na qual anuncia ter dado 'luz verde' à proposta do Governo.

"Esperando que possa ser assegurado um crescimento da economia portuguesa, que permita atualizações cada vez mais significativas dos rendimentos dos Portugueses, nomeadamente dos que ainda auferem o Salário Mínimo Nacional", o Presidente Marcelo, lê-se na curta nota, "promulgou o diploma do Governo que atualiza o valor da retribuição mínima mensal garantida para 2020".

Antes da promulgação oficial, já o chefe de Estado tinha comentado, no final de uma visita ao Bazar Diplomático, no Centro de Congressos de Lisboa, que ainda não tinha visto o diploma mas que era sua intenção "promulgá-lo" ainda esta sexta-feira.

Nestas declarações aos jornalistas, o Presidente Marcelo disse ainda que "no contexto existente, é uma solução razoável, a pensar na economia e na sociedade portuguesa, e por isso vou promulgá-lo".

[Notícia em atualização]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório