Meteorologia

  • 14 DEZEMBRO 2019
Tempo
15º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Riqueza das famílias cresceu 13,2% entre 2013 e 2017

Os dados constam do Inquérito à Situação Financeira das Famílias de 2017.

Riqueza das famílias cresceu 13,2% entre 2013 e 2017

A riqueza líquida por família aumentou 13,2% em termos médios entre 2013 e 2017, de acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE), esta quarta-feira. O aumento verificou-se em todas as classes de riqueza das famílias, mas os mais ricos são responsáveis por mais de metade da riqueza

"Em termos reais, a riqueza líquida por família aumentou entre 2013 e 2017, 13,2% em termos médios e 10,0% em termos do valor mediano. O aumento ocorreu nas diferentes classes de riqueza, tendo a desigualdade, medida pelo coeficiente de Gini, passado de 68,4% para 67,9%", pode ler-se.

Os números constam do Inquérito à Situação Financeira das Famílias de 2017, que revela que a riqueza líquida média das famílias residentes em Portugal era 162,3 mil euros e a mediana 74,8 mil euros.

Nesse ano, as famílias pertencentes ao conjunto das 10% com maior riqueza líquida detinha 53,9% da riqueza líquida total das famílias e o conjunto das 50% com menor riqueza líquida detinha 8,1%.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório