Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2019
Tempo
16º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Oficial. Governo propõe salário mínimo de 635 euros para o próximo ano

O valor foi apresentado, esta quarta-feira, aos parceiros sociais.

Oficial. Governo propõe salário mínimo de 635 euros para o próximo ano
Notícias ao Minuto

09:46 - 13/11/19 por Notícias ao Minuto 

Economia salário mínimo

O Governo propôs um aumento de 35 euros ao valor do salário mínimo nacional para 635 euros no próximo ano. A proposta do Executivo foi divulgada esta quarta-feira aos parceiros sociais, de acordo com a notícia que está a ser avançada pela RTP

O objetivo do Governo de António Costa, conforme já tinha sido divulgado, passa por aumentar gradualmente o valor do salário mínimo nacional até ao patamar dos 750 euros até 2023. Porém, a evolução será decidida anualmente. 

CGTP já fez saber que a meta dos 750 euros "é insuficiente", referiu à Lusa o líder da intersindical, Arménio Carlos. A CGTP reivindica que o salário mínimo, atualmente de 600 euros, atinja 850 euros no curto prazo e exige um aumento de 90 euros para todos os trabalhadores em 2020.

Já a UGT propõe um aumento de 60 euros para o próximo ano, mas na reunião realizada há uma semana o líder da central sindical, Carlos Silva, manifestou-se disponível para um acordo e até para "recuar" na proposta da central sindical, "para um valor que seja legítimo".

Por sua vez, as confederações patronais defendem que a atualização do salário mínimo deve ter em conta critérios objetivos e assentar em indicadores como a inflação, crescimento económico e produtividade, admitindo ainda um acréscimo pela componente social.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório